Exercício físico e auto-estima

blank
Como reduzir no açúcar?
Abril 15, 2020
blank
Surf & Fitness em casa – 2ª edição
Abril 29, 2020

Está cientificamente comprovado que a atividade física tem um efeito altamente positivo na melhoria da auto-estima.

Ao falar sobre os benefícios da atividade física, é comum concentrar-se naqueles que têm a ver com a melhoria das condições físicas (resistência, flexibilidade, perda de gordura corporal, fortalecimento dos músculos ...) e fisiológicos, como o bom funcionamento do sistema imunológico, prevenção de doenças, etc.

DATA: Abril 2020
AUTOR: Rui Madeira | Exercício

No entanto, é verdade que quando pratica um exercício que gosta, sente-se feliz e motivado(a), certo? Se é assim, é porque a atividade física dá uma contribuição muito importante e, muitas vezes, subvalorizada à saúde mental e emocional das pessoas.

Estas são as razões pelas quais o exercício físico é um ótimo antídoto para melhorar os aspetos físicos e psicológicos:

- As hormonas da felicidade: as endorfinas são os neurotransmissores responsáveis por aumentar a sensação de prazer e relaxamento, essenciais para o bem-estar. A prática regular de exercício físico aumenta os níveis de endorfinas, aumentando o sentimento de felicidade entre os praticantes.

- Confiança em si mesmo: a atividade física é um bom elixir para prevenir e enfrentar os desafios mais saudáveis do dia-a-dia. Isso é algo que pode ser visto no grande número de pessoas, desde amadores a profissionais de elite, que superaram as suas histórias pessoais apoiando-se, sobretudo, no desporto.

- Favorece a socialização: quando um desporto é compartilhado, a paixão de competir, de alcançar um objetivo comum, a solidariedade e a camaradagem também são compartilhadas. Essa sensação de bem-estar pós-treino estende-se para fora do ginásio e promove a socialização.

- Impede a deterioração das habilidades cognitivas: Todos os dias é cada vez mais demonstrado, graças às contribuições de médicos e cientistas, que praticar exercício físico desde tenra idade pode ser um antídoto ou, pelo menos, uma medida de proteção contra doenças neuro degenerativas, bem como por promover o bom funcionamento da memória.

- Aumenta a qualidade do sono: stress e nervosismo como resultado das obrigações diárias podem levar a uma luta diária contra a fadiga que pode causar insónias ou falta de sono profundo e pacífico. O treino é, nesses casos, um excelente remédio para descansar melhor. Graças ao alívio da tensão sentida após a prática de atividade física regular, é possível limpar a mente e dormir melhor.

Como vê, só existem boas razões para se ser ativo(a). Mexa-se pela sua saúde!