Porque não perde peso?

blank
Abdominais tonificados
Junho 23, 2021
blank
Porque dorme mal?
Julho 6, 2021

A perda de peso pode ser um processo bastante complexo. O que é que acontece para que, de repente, deixe de ter resultados?

DATA: Junho 2021
AUTOR: Rui Madeira | Saúde

Muito pode ficar a dever-se a variados factores de estilo de vida que podem afetar as nossas hormonas e impedir-nos assim de atingir os melhores resultados.

A RM Trainer deixa aqui alguns motivos que possam justificar o facto de poder ter estagnado na sua luta pela perda de peso.

Demasiado exercício cardiovascular

Não é por passar 1h por dia na passadeira que vai perder essa barriguinha. Sabia que os treinos longos até poderão ser prejudiciais? O organismo vê o exercício como stress e o stress provoca a libertação de uma hormona chamada cortisol, que degrada as reservas de energia para uso imediato.

Vários estudos demostram que os treinos com intervalos curtos de alta intensidade aumentam o potencial de queima de gordura. Então talvez seja boa ideia englobar sprints no seu treino, tal como exercícios de força.

Stress

Qualquer tipo de stress (físico, emocional, químico) faz o corpo entrar num estado de proteção. Isso resulta numa alteração dos níveis hormonais e o corpo desliga todos os processos que não são imediatamente necessários para a sobrevivência. Parte da resposta ao stress, como dito acima, é a produção de cortisol. Novamente, isso é perfeitamente saudável, a menos que o stress seja crónico, caso em que o resultado é um maior armazenamento de gordura, principalmente aquela indesejada na zona da barriga.

Não dorme o suficiente

A falta de sono é uma fonte muitas vezes esquecida nos problemas de saúde. Isso porque os nossos padrões de sono têm um grande impacto sobre os nossos níveis hormonais. Vários estudos demostram que os maus hábitos de sono levam-nos a ganhar peso e alguns estudos demostram que o maior pico de hormonas de queima a gordura ocorre durante o sono profundo.

Está a restringir calorias a mais

Supostamente, restringir calorias vai ajudar a perder peso, então restringindo uma quantidade enorme de calorias vai ajudar a perder mais peso e mais rapidamente. Mas infelizmente, o corpo vê a severa restrição de calorias como fome e acabará por se voltar contra si, entrando em defesa de sobrevivência lutando para manter as calorias que ingere.

Não está a receber gordura suficiente

Quando se trata de nutrição, temos que distinguir entre a gordura saudável e gorduras não saudáveis. As gorduras não saudáveis são as gorduras trans e gorduras processadas que são usadas para a produção de alimentos processados. As gorduras saudáveis, por outro lado (gorduras de peixes, nozes, coco, carnes de animais, ovos, abacate, azeitonas, etc.), são uma parte necessária da função celular saudável. Ao contrário do que se poderia pensar, gorduras saudáveis, não se traduzem em quilos extra. O consumo de gorduras saudáveis em vez de açúcar dá-nos energia, mantém-nos saciados por mais tempo e leva o corpo a queimar a gordura armazenada.

Demasiados alimentos diet e light

A maioria dos alimentos dietéticos contêm alguma forma de GMS, que também é conhecido como extracto de levedura, ácido glutâmico e hidrolisado de proteínas, entre outros. Este produto químico tem sido utilizado na pesquisa da obesidade para induzir obesidade em ratos. Ela provoca um aumento nos níveis de insulina em animais e seres humanos, o que faz com que o corpo armazene gordura. Outros produtos químicos em alimentos dietéticos podem sabotar os seus esforços de perda de peso também, como açúcares, gorduras trans artificiais e sabores naturais.

Demasiados carboidratos

A dieta típica consiste em grandes quantidades de carboidratos processados que causa estragos no nosso organismo aumentando os níveis de insulina. Com o tempo, as células de gordura tornam-se resistentes à insulina que torna quase impossível para o corpo queimar gordura, não importando o quanto você se exercita.

Fruta em excesso

Muitos dietistas fazem da fruta um doce (lanche de baixas calorias), mas o açúcar das frutas, (como todos os hidratos de carbono) é degradado em glicose no intestino delgado. A presença de glucose na corrente sanguínea provoca a libertação de insulina do pâncreas e armazena o excesso de glucose como gordura. Se está a tentar perder peso, a ingestão de frutas deve ser limitada a frutas com baixo teor de carboidratos e altas quantidades de antioxidantes.

Resumindo, a melhor forma de perder peso de uma forma saudável será ingerir comida de verdade, treinar regularmente, receber a quantidade adequada de sono e encontrar forma de gerir o stress.

Identifica-se com estas razões para não perder peso? Será que está a cometer os mesmos erros?

Não dominando estas áreas, a RM Trainer aconselha obviamente a procurar ajuda profissional, tanto a nível do treino, como da nutrição para que consiga atingir os melhores resultados, mas de uma forma segura.

Pense no que está a fazer com a sua saúde!